Olhodiagnose integral seja pioneiro

A Olhodiagnose é uma ciência, uma arte e um método de avaliação natural não invasivo da saúde e das características biotipológicas de um individuo através da íris, da pupila e da esclera. É um método antigo, se não milenar, cujos registros históricos remontam ao antigo Egito, aos Caldeus, Babilônios e Chineses. Existem referências que citam a observação dos olhos como método de avaliação da saúde também na Grécia, por Hipócrates, conhecido como pai da medicina.

Olhodiagnose Integral é uma abordagem da Olhodiagnose, fundamentada na união de três importantes ciências de diagnose natural e preventiva: a Iridologia, Pupilologia e a Esclerologia. O seu método abrangente de interpretação permite desenvolver uma ampla compreensão do ser UNO através do estudo do olho, observando todas as suas facetas de uma forma integral, desde o contexto físico, mental, emocional e espiritual, incluindo a sua relação com o meio.

As bases da Olhodiagnose Integral:

A Iridologia é uma ciência e arte que estuda a análise científica de padrões e estruturas na íris (porção colorida do olho), identificando padrões de comportamento, temperamento, órgãos e áreas de menor resistência no corpo. Ela revela o biotipo constitucional de cada um, bem como suas forças e fraquezas inerentes, os níveis de saúde, e as transições que ocorrem no organismo de uma pessoa, de acordo com seu modo de vida.

Muitos anos de observação clínica e pesquisa intensiva por cientistas, principalmente europeus e americanos, resultaram na confecção de mapas da topografia reflexa do corpo na íris e na esclera (parte branca do olho), onde se tem a localização básica de órgãos, membros e diferentes tecidos. Com a utilização destes mapas é possível fazer uma análise precisa do olho.

No centro da íris existe o orifício pupilar, também conhecido como “pupila”. Esta estrutura ganhou espaço dentro da Iridologia e uma atenção especial na arte da diagnose, pois é composta pelo mesmo tecido do nosso sistema nervoso e expressa uma riqueza de informações sobre este sistema. Seu estudo ficou conhecido como Pupilologia.

Tendo a sua atenção adormecida desde a antiguidade, poucos observavam o que acontecia na esclera, quanto à diagnose natural, mas nas últimas décadas as pesquisas expandiram-se para além da íris, resultando em uma nova ciência de diagnose: a Esclerologia. Esta nova e avançada abordagem de diagnose permite observar sinais e vasos de ordem genotípica e fenotípica na parte branca do olho e relacioná-los com as características biotípicas e constitucionais de cada um, seguindo os mesmos princípios da Iridologia. Porém, com o grande diferencial de que a esclera apresenta uma dinâmica ímpar em relação à íris, pois apresenta inúmeros sinais que se alteram de acordo com a condição atual do organismo e o comportamento do indivíduo, permitindo, assim, uma diagnose sempre atualizada das condições de saúde.

Olhodiagnose Integral é um excelente método de diagnose natural e preventiva e proporciona uma diagnose individualizada e atualizada sobre o estado integral de saúde do indivíduo.

O Curso de pós-graduação lato sensu em Olhodiagnose Integral promove a observação analítica, de uma forma integral, de todas as características fisico-psíquicas e energéticas nas três principais estruturas externas do globo ocular. Permite verificar as características de ordem hereditária, genética e congênita, assim como as pré-disposições de cada um e conhecer o que pode estar em desenvolvimento ou não.

 

Este artigo foi escrito por Andre W. Garcia www.medlex.com.br em 19 de setembro de 2013 às 17:07, e está arquivado em Saúde e Beleza. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta.

Nenhum comentário para este post »

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

Esta página foi visitada 2019604 vezes
© Copyright 2011, TERCEIROMILÊNIO. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Aria Webdesign.